Após Crivella afirmar que PMs pegam “arrego”, Witzel retira PMs cedidos à Prefeitura.

[Foto de Arquivo/Richard/AN]

O Governador Wilson Witzel, pelo Processo nº E-35/062/18/2019, autorizou o retorno dos Policiais Militares cedidos à Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro para o Estado.

Essa medida ocorreu após o vazamento de áudio no qual o Prefeito Marcelo Crivella afirma que “quando o político rouba e fica rico, o comandante do batalhão também quer ficar rico. O coronel quer ficar rico. O tenente, o sargento, querem ficar ricos. Aí, eles sobem o morro para pegar o arrego. O arrego é o troco da cocaína”.

O Secretário de Estado de Polícia Militar, Coronel Rogério Figueiredo de Lacerda, emitiu nota de repúdio à declaração do Prefeito Marcelo Crivella na qual considerou que “o Sr. Marcelo Crivella ofendeu de forma cruel uma legião de 45 mil policiais militares.”

Sobre os áudios vazados, a página do Prefeito Crivella publicou: “Mais uma vez o jornal O Globo usa de fake news na tentativa de imputar a mim inverdades. Quero deixar claro a todos os integrantes da nossa valorosa PM: uma minoria que se desvirtuou ao longo do caminho não será capaz de macular uma história centenária. Porém, não podemos fechar os olhos ao câncer da corrupção que tomou conta de várias instituições do nosso Rio de Janeiro. O futuro do Brasil e do Rio residem na nossa resiliência em combater o mal do século 21, a corrupção “
Fonte: https://www.facebook.com/prefeitocrivella/videos/268019300741076/