Brasil enviará ajuda humanitária para Venezuela

Em conversa com Jornalistas na tarde dessa quinta (21), o porta-voz da Presidência, Otávio Rêgo Barros enfatizou que o Brasil estará enviando ajuda humanitária aos Venezuelanos no sábado (23), mesmo com a fronteira fechada.

Segundo ele, o governo Brasileiro tem o intuito de acolher os venezuelanos usando como meio as ações humanitárias. Rêgo Barro disse ainda, que as frotas Brasileiras permanecem em operação e que o estado é de normalidade com a Operação Acolhida e na faixa de fronteira.

Um avião da Força Aérea que saiu de Porto Alegre na tarde dessa quinta (21) tocou o solo de Brasília com cerca de 22 mil toneladas de leite em pó, onde será abastecido com 500 kits de primeiros socorros e seguirá para Boa Vista permanecendo na Base Aérea de Roraima até o sábado, e aguardará caminhões e motoristas venezuelanos liderados por Juan Guaidó para que possam entrar na Venezuela levando os suprimentos.

O Presidente Jair Bolsonaro publicou em uma rede social, que foi criada uma logística até a fronteira para que alimentos e medicamento sejam entregues aos Venezuelanos e que o recolhimento ficará sob responsabilidade do Presidente Juan Guaidó. Guaidó também usando de uma rede social agradeceu a Bolsonaro por apoiar centenas de Venezuelanos na luta pela vida.