Embaixada americana recomenda retorno imediato aos EUA




Em mensagem publicada nesta terça-feira (24/03) em seu website oficial, a Embaixada dos Estados Unidos no Brasil orienta que cidadãos americanos retornem aos EUA, exceto que estejam preparados para continuarem fora do país natal por longo período sem previsão de nova possibilidade de retorno.

“Os cidadãos dos EUA que desejam retornar aos Estados Unidos devem fazê-lo o mais rápido possível”, destaca a mensagem da embaixada.

Confira abaixo a mensagem na íntegra:

“United States of America, Department of State

Embaixada e Consulados dos EUA no Brasil

Mensagem aos Cidadãos Americanos: Opções de Voos Comerciais Partindo do Brasil  como sabido em 24 de Março 2020

De acordo com o Aviso de Saúde Global de Nível Quatro do Departamento de Estado, os cidadãos dos EUA que vivem nos Estados Unidos devem providenciar retorno imediato para os Estados Unidos, a menos que estejam preparados para permanecer no exterior por um período indeterminado.  

A Embaixada dos EUA em Brasília gostaria de informar aos cidadãos dos EUA no Brasil que opções de voos comerciais permanecem disponíveis com saída do Brasil para os Estados Unidos, porém esperamos que esse número diminua. Os cidadãos dos EUA que desejam retornar aos Estados Unidos devem fazê-lo o mais rápido possível pois a situação de viagem está mudando muito rapidamente e a disponibilidade de voos está sujeita a alterações. Os horários de voos domésticos no Brasil também estão sendo reduzidos significativamente, e os cidadãos dos EUA que atualmente estão fora dos portões internacionais identificados abaixo também devem monitorar sua capacidade de obter um voo de conexão, consultando o site do aeroporto mais próximo.  

Veja abaixo o restante dos voos comerciais disponíveis para os Estados Unidos que a Embaixada dos EUA em Brasília tem conhecimento, no dia 24 de março às 17:00. (Obs.: Todos os horários estão sujeitos à alteração):  

United Airlines – de Rio de Janeiro (GIG) para Houston (IAH) – o último voo antes da suspensão da rota, será no dia 24 de março. 

United Airlines – de São Paulo (GRU) para Washington (IAD) – o último voo antes da suspensão da rota, será no dia 25 de março. 

United Airlines – de São Paulo (GRU) para Chicado (ORD) – o último voo antes da suspensão da rota, será no dia 25 de março. 

United Airlines – de São Paulo (GRU) para Newark (EWR) – o último voo antes da suspensão da rota, será no dia 28 de março. 

United Airlines – de São Paulo (GRU) para Houston (IAH) – espera-se que o serviço diário continue até 3 de maio. 

Delta Airlines – de Rio de Janeiro (GIG) para Atlanta (ATL) – opera diariamente (sujeito a alterações). 

Delta Airlines – de São Paulo (GRU) para Atlanta (ATL) – opera diariamente (sujeito a alterações). 

Delta Airlines – de São Paulo (GRU) para Nova York (JFK) – opera diariamente (sujeito a alterações). 

Azul – Campinas (VCP) para Fort Lauderdale (FLL) – os horários foram reduzidos para quatro voos por semana no mês de março e somente um voo por semana no mês de abril. 

Azul – Campinas (VCP) para Orlando (MCO) – os horários foram reduzidos para quatro voos por semana no mês de março e somente um voo por semana no mês de abril. 

LATAM – São Paulo (GRU) para Miami (MIA) – espera-se que haja redução de horários. 

LATAM – São Paulo (GRU) para Nova York (JFK) – espera-se que haja redução de horários. 

LATAM – São Paulo (GRU) para Boston (BOS) – espera-se que haja redução de horários. 

LATAM – São Paulo (GRU) para Orlando (MCO) – espera-se que haja redução de horários.”